istanpool theme
web tasarımmetin kazan

Conselho Regional De Enfermagem (Coren) palestra para acadêmicos

Foi no dia 18 de setembro, no salão interdisciplinar. Estiveram presentes a advogada do conselho, marinete regina corsato e o enfermeiro marco antonio de araujo. A drª margarete falou sobre a lei do exercício de enfermagem e sobre o código de ética que rege a profissão, dando vários exemplos que já aconteceram dentro da profissão e que foram levados ao juridico do conselho.

 Conforme a coordenadora do curso de Enfermagem, professora Marly Della Latta, os acadêmicos puderam esclarecer dúvidas e participaram  ativamente das discussões. Fazer com que o acadêmico conheça cada vez mais sobre sua profissão não é somente um direito mas também um dever. Conhecer o código de ética dos profissionais de enfermagem faz com que os acadêmicos criem senso de responsabilidade com a profissão.

 

Feira conta com a participação de acadêmicos de Nutrição

A Associação dos Aquicultores do Vale do Iguaçu (Ecopeixe) realizou na quarta-feira, 04 de setembro, o 3º Jantar à base de Peixe, no Salão Paroquial da Igreja Matriz de Porto União. O jantar teve por finalidade incentivar o consumo de peixes produzidos no município. Aproximadamente 400 pessoas participaram do jantar.

As acadêmicas do sexto período do curso de nutrição foram convidadas a participar do evento e auxiliaram na organização e no servimento do jantar aos associados e seus convidados. A participação das acadêmicas de Nutrição destacou ainda mais a importância  nutricional do peixe na alimentação.

A acadêmica de Nutrição Janete Kowalcziki Bonfleus, participante do evento destaca que o peixe um alimento que traz vários benefícios para o organismo, já que possui gorduras que fazem bem ao coração, além de ser leve e muito gostoso.

Instituição desenvolve “Programa Uniguaçu Sustentável”

A educação é a chave do desenvolvimento sustentável, autossuficiente – uma educação fornecida a todos os membros da sociedade, segundo modalidades novas e com a ajuda de tecnologias novas, de tal maneira que cada um se beneficie de chances reais de se instruir ao longo da vida. Devemos estar preparados, em todos os países, para remodelar o ensino, de forma a promover atitudes e comportamentos que sejam portadores de uma cultura da sustentabilidade.


É aí que entram em jogo as universidades, assim como todos os estabelecimentos de ensino superior, que assumem uma responsabilidade essencial na preparação das novas gerações para um futuro viável. Pela reflexão e por seus trabalhos de pesquisa básica, esses estabelecimentos devem não somente advertir, ou mesmo dar o alarme, mas também conceber soluções racionais.


Conforme a professora Valéria Avanzi, uma das organizadoras do projeto, neste sentido, os trabalhos desenvolvidos dentro da Uniguaçu têm um efeito multiplicador, pois cada estudante, funcionário e professor convencidos das boas ideias da sustentabilidade, influencia o conjunto, a sociedade, empresas nas mais variadas áreas de atuação.
A concepção ecológica concebe o universo como um todo interligado e interconectado entre si. Reconhece a interdependência fundamental de todos os seres vivos, não como uma coleção de partes dissociadas, mas como uma rede de fenômenos articulados e fortemente imbricados, dentro da quais seres humanos e sociedades participam de forma cíclica dos processos da natureza.


Dentre as ações realizadas pela Uniguaçu, destacam-se projetos na área de liderança; gestão de resíduos, incluindo medicamentos; programas de conservação, eficiência energética e economia de recurso hídrico; análise ambiental (análise da qualidade da água), incentivo ao transporte alternativo, além de construções sustentáveis.

Acadêmicos de Enfermagem praticam o cuidado em visita ao abrigo Profeta Daniel

No dia 11 de setembro, os acadêmicos do segundo período do curso de Enfermagem levaram carinho, conforto e atenção às pessoas que moram no abrigo Profeta Daniel. Acompanhados pela professora Marilda Marcos, os acadêmicos conversaram com os idosos e demais pessoas que moram no local, realizaram técnicas recreativas e de cuidado e serviram uma salada de frutas.

Segundo a coordenadora do curso de Enfermagem, professora Marly Della Latta, essas visitas são importantes, pois assim o acadêmico começa a conhecer o seu papel enquanto futuro profissional, entrando em contato com o processo do cuidado humano em todas as fases da vida e também cumprem com o seu compromisso social.

Empresa União Jr. presta serviços ao empresariado local

No dia 03 de setembro, funcionários da empresa Mercadão De Calçados Paranaense assistiram a uma palestra ministrada pelo professor Vilson da Silva, acompanhado pelo vice-presidente da Empresa União Junior, o acadêmico Júlio Amaro e a acadêmica Amanda Cordeiro.


O acadêmico Julio se apresentou falando sobre a Empresa Junior e os trabalhos que ela realiza atualmente, falou de seu vínculo como aluno do Prof. Vilson na Uniguaçu que iniciou sua palestra aos vinte oito participantes abordando a importância do bom vendedor no cenário atual, avaliando como as vendas eram realizadas no passado e como são realizadas hoje. Destacou ainda os principais pontos para realizar uma ótima venda, dando dicas de como se relacionar com os clientes.


Conforme Júlio, em alguns momentos falou de sua experiência do setor de vendas relatando sobre as dificuldades que os vendedores enfrentam diariamente e como isso deve ser superado, reforçando o quanto se fazem necessárias pequenas ações para alcançar o sucesso. “O evento foi realizado com sucesso contando com os aplausos do público, valorizando todo o trabalho realizado do professor Vilson através da Empresa União Junior”, completa o acadêmico.

Turma de Veterinária realiza doação coletiva de livros

Em uma bela iniciativa, os acadêmicos do sexto período de Medicina Veterinária realizaram a doação de vários livros para a Biblioteca da Uniguaçu.


A atitude foi idealizada pela professora Cláudia Rocha, que estimulou os acadêmicos de uma turma a doar livros, solicitando que cada um trouxesse ao menos um livro para o projeto de leitura responsável.


Conforme a responsável pela biblioteca da Uniguaçu, Pâmella Brem, o resultado foi ainda melhor do que o esperado. “A doação foi em peso e recebemos mais livros do que esperávamos. Parabéns a turma VET M6. pela iniciativa”, completa Pâmella.

Acadêmicos de Agronomia realizam excursão

No dia 04 de Setembro de 2013 os acadêmicos do sexto período de Agronomia da Uniguaçu realizaram uma excursão em diversos pontos de interesse no Planalto Norte Catarinense visando o manejo e a conservação do solo, sob a orientação do professor José Alfredo da Fonseca.

            Conforme a coordenadora do curso, professora Márcia Coelho Beatriz, foram visitadas várias propriedades, além de uma empresa, com os objetivos de observar sistemas de manejo do solo, coberturas do solo e o manejo de resíduos industriais para uso do solo.  Em três propriedades, foram verificadas as variedades de ervilhaca utilizadas na cobertura do solo, e os melhores sistemas de manejo. Em Major Vieira, a agricultura de precisão e o terraceamento foram os pontos abordados.

Em Três Barras os acadêmicos visitaram a empresa Vida Produtos e Serviços em Desenvolvimento Ecológico Ltda, terceirizada permanente da Rigesa Celulose, Papel e Embalagens Ltda, para aprimorar seus conhecimentos sobre o manejo de resíduos industriais visando a utilização na agricultura. A empresa Vida é responsável pelo tratamento, beneficiamento, comercialização e monitoramento de todos os resíduos gerados pela Rigesa. Dentre estes resíduos estão a casca de pinus e o lodo de celulose (gerado pela Estação de Tratamento de Efluentes- ETE). Após sofrerem compostagem, os produtos são peneirados e comercializados como fertilizantes para jardins. A indústria gera ainda outros produtos como a cinza leve de biomassa (obtidos a partir da queima de cavacos e cascas de pinus e eucalipto em caldeira de biomassa) e os corretivos de acidez do solo como a cinza calcítica e o macrocálcio.

            Na última visita técnica os acadêmicos dirigiram-se à propriedade do Senhor Anselmo Fallgatter e família, na localidade de Taunay em Canoinhas, e puderam observar um exemplo de manejo adequado do solo. Anselmo aprendeu com o pai, José (in memoriam) a cuidar da terra. A família é parceira da empresa Master desde 2002 na área de suinocultura.  

Há 20 anos, Anselmo faz plantio direto na lavoura de milho, soja e trigo, com rotação de culturas e cobertura do solo no inverno. O esterco oriundo da granja de suínos é coletado em lagoas e submetido a fermentação visando o melhoramento do produto e a diminuição dos odores, sendo após aplicados na lavoura duas vezes por ano. Com a utilização do esterco, a quantidade de adubos e fertilizantes é reduzida gerando um menor custo na produção. Há 3 anos, na lavoura de soja não são utilizados adubos de origem industrial e outros fertilizantes. A propriedade de Anselmo Fallgatter e família é um exemplo a ser seguido pela sua determinação em produzir grãos de maneira sustentável.  

Acadêmicas de Nutrição realizam atividade na empresa Piedade

As acadêmicas do oitavo período de Nutrição, no projeto Nutrindo o Saber Sustentável, organizaram o Coffee Break à base do Aproveitamento Integral dos Alimentos a convite da empresa de transportes Piedade localizada em União da Vitória.

A empresa que realizou a Semana Interna de Prevenção de Acidentes (Sipat) na semana de 26 a 30 de agosto convidou o curso de Nutrição para participar do evento abordando o uso de cascas, sementes e talos na alimentação saudável.

As acadêmicas Lilian Nunes e Angélica Les ministraram a palestra para os funcionários da empresa que teve como tema Alimentação saudável a partir do consumo do que jogamos fora que também falava sobre os benefícios do aproveitamento integral dos alimentos.

Palestra em Medicina Veterinária aborda temas da extensão rural

Foi proferida no dia 12 de setembro palestra abordando temas da extensão rural, como os movimentos sociais e a origem das divisões de terras desde o descobrimento do Brasil até os dias de hoje.

O palestrante Jorge Luis Favaro é graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal do Paraná, mestrado em Extensão Rural pela Universidade Federal de Santa Maria. Professor da Universidade Estadual do Centro-Oeste com experiência em Extensão Rural, atuando principalmente nos seguintes temas: agricultura familiar, extensão rural, desenvolvimento rural. Atualmente é doutorando na Universidade Federal do Paraná - UFPR em Geografia Agrária - área de desenvolvimento rural.

Jorge destacou a grande participação e envolvimento dos alunos do oitavo e sexto períodos de medicina veterinária. “o médico veterinário tem papel fundamental no desenvolvimento das propriedades agrícolas, e a extensão rural é a ferramenta que possibilita o repasse de conhecimentos” enfatizou o palestrante.

Para a professora Ariane Paula Rovani Scolari professora da disciplina e organizadora do evento os alunos precisam conhecer de fato os fatos históricos que levaram ao atual sistema agrário brasileiro.

Palestra é ministrada para estudantes do Colégio Bernardina Schleder na Uniguaçu

No dia 29 de agosto de 2013 o professor Vilson da Silva realizou uma palestra na Uniguaçu para os alunos do Colégio Bernardina Schleder, com o tema “Motivação”.

Na palestra foram abordados temas como as exigências do mercado de trabalho e o perfil que as empresas procuram nos profissionais. Foi apresentado também os recursos que existem nos dias atuais para quem deseja cursar uma faculdade, e os alunos aproveitaram para tirar dúvidas sobre os assuntos discutidos.

Conforme o docente, esta palestra faz parte do projeto da Uniguaçu, de oferecer palestras nos colégios de União da Vitória e região. Vários professores do colégio participaram da palestra que foi solicitada pela professora Salete Tonon.

Agricultor ecológico em União da Vitória recebe acadêmicos da Uniguaçu

Os acadêmicos do oitavo período de Agronomia da Uniguaçu, dentro da disciplina de Olericultura, visitaram a propriedade dos agricultores ecológicos Lurdes Mundstock, acadêmica do segundo período do curso, e José Xavier de Carvalho, técnico agrícola e nutricionista, localizada na Comunidade do Rio Vermelho em União da Vitória.

Conforme a coordenadora do curso, professora Márcia Coelho Beatriz, nessa visita objetivou aos estudantes conhecerem a realidade de uma unidade de produção familiar, que tem sua principal atividade a produção de hortaliças orgânicas, ainda produzindo grãos, frutas, mel, leite e ovos, todos dentro dos preceitos da Agroecologia e comercializados no sistema de sacolas diretamente ao consumidor, bem como, atividades de turismo rural.

Segundo o professor Guilherme Scaramela, que acompanhou a visita, diversos aspectos da produção orgânica de hortaliças foram vistos, como modelos de estufas para produção, produção de mudas, compostagem, recursos hídricos, utilização de pó de basalto, homeopatia, sanidade vegetal, processamento mínimo de hortaliças, administração e gestão da propriedade de maneira sistêmica. Foram visualizados pelos acadêmicos os desafios desse modelo de agricultura, como questões de mão de obra, técnica e equipamentos, e comercialização, e o papel que o engenheiro agrônomo tem para que esses entraves sejam enfrentados. 

Curso de Direito da Uniguaçu proporciona para seus acadêmicos a ampliação dos conhecimentos na IX Semana Jurídica

O curso de Direito esteve reunido entre os dias 02 a 06 de setembro para promover sua IX Semana Jurídica. A abertura do evento ocorreu no Cine Teatro Luz, com a palestra do professor e magistrado do Tribunal de Justiça do Paraná, Doutor Carlos Eduardo Mattioli Kockanny, que ministrou a palestra sobre o “Descumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente mais de duas décadas depois de seu advento e a falácia da redução da maioridade penal”. A segunda palestra da noite teve como tema o “Controle de racionalidade das decisões do STF- Julgados relevantes”, ministrada pela professora Claudia Beeck, da Universidade Tuiuti do Paraná e Faculdades Integradas do Brasil- Unibrasil.

Na terça-feira, os acadêmicos foram recepcionados na Uniguaçu para a realização de oficinas e mesas redondas. Entre os temas, foram abordados: O Pluralismo Jurídico (professores Fernando David Perazzoli e Marilucia Flenik); o Estatuto da Criança e do Adolescente: Direitos e Deveres (professores Elisa Stroberg Schultz e Paulo Pinheiro), o Estado Interventor: implicações e perspectivas (professores João Vitor Passuello Smaniotto e Sandro Marcelo Perotti), A responsabilidade penal da pessoa jurídica em matéria ambiental (prof. Júlio Garcia), os Sistemas eleitorais e a reforma política (professor Brainer Kist), a influência da mídia no julgamento do Tribunal do Júri (profs. Alexandre Garcia e Guilherme Seidel), os Diálogos com Hobbes e Tocqueville: Do Leviatã à Democracia nas américas (professor Alexandre Nicoletti Hedlund) e a Improbidade Administrativa (professor André Miranda).

Na quarta feira, 04, os acadêmicos e docentes retornaram ao Cine Luz para as palestras do professor Samuel Manica Radaelli, professor do IFPR de Palmas, sobre o tema: “As perspectivas do novo constitucionalismo latino-americano”. A segunda palestra da noite ficou por conta da professora Patrícia Melhem, professora da Campo Real de Guarapuava, que tratou do tema: “A Criminologia da vida urbana e a Escola de Chicago: cidade grande, mundo de estranhos”. Para fechar a noite, o professor Rudy Rosas abordou o tema da Lei Maria da Penha e questão de gênero.

Na quinta-feira, dia 05 de setembro, a programação contou com duas palestras de Direito Empresarial. A primeira delas, proferida pelo professor Diego Caetano da Silva Campos, professor da ABdConst, tratou do tema: “Os desafios da disciplina jurídica dos contratos empresariais no contexto da chamada “nova teoria contratual”: o papel da análise econômica” O encerramento das atividades ocorreu com a palestra do professor Alessandro Sanchez, da Rede de Ensino LFG, que ministrou a palestra sobre “O Poder das marcas e os novos rumos da advocacia empresarial”. No último dia do evento, os acadêmicos tiveram a oportunidade de realizar uma festa de integração no Clube The Hall.

Para o Coordenador do Curso, professor Alexandre Hedlund, o sucesso da Semana Jurídica está diretamente relacionado com a dedicação de todos os professores e funcionários da Uniguaçu. “As palestras e oficinas serviram para promover os debates que vem sendo realizados no âmbito do curso, como a Iniciação Científica, as monografias e os artigos da Revista Direito & Deriva”, destacou

Conforme o professor João Vitor Smaniotto, a avalição da organização do evento foi positiva, principalmente pela presença expressiva dos acadêmicos que procuraram participar dos debates, demonstrando que o curso consolida uma cultura de grandes eventos acadêmico-científicos. Segundo a professora Suelen Furlan,  a qualidade dos palestrantes e dos temas tratados permitiram bons debates e a expectativa com relação a X Semana e o aniversário de 10 anos do Curso de Direito, que ocorre no ano que vem. 

Acadêmicos participam de atividades no dia da Responsabilidade Social

Sábado, dia 21 de setembro, a Uniguaçu confirmou novamente seu slogan de ensino pra valer unido ao compromisso social. Nessa data, acadêmicos e professores da Instituição participaram da atividade Ensino Responsável 2013.

Segundo a professora Rosicler D. Barbosa, coordenadora de projetos sociais da Uniguaçu, o evento aconteceu simultaneamente em diversos pontos de União da Vitória e Porto União. Na atividade foram realizados esclarecimentos jurídicos e sociais, aferimento de pressão arterial, teste glicêmico, também foram desenvolvidas atividades físicas, entre outras várias atividades que estão presentes nos cursos de graduação.

A Uniguaçu participa todos os anos do Dia da Responsabilidade Social do Ensino Superior Particular, promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), que tem como principal objetivo organizar, anualmente, num só dia, nas instituições ou em espaços definidos por elas, uma mostra de suas ações, isto é, expor os seus feitos nos projetos sociais nas áreas de educação, saúde, cultura, meio ambiente, dentre outros, desenvolvidos ao longo de todo o ano.

Desenho técnico é desenvolvido por estudantes de Nutrição

As acadêmicas do sexto período do curso de Nutrição na disciplina de
Administração de Serviços de Alimentação ministrada pela professora
Kristy Coelho tiveram nesta quarta feira dia 18 de setembro uma aula
de desenho técnico ministrada pela professora dos cursos de engenharia Michele Chiqueto.

Conforme a professora, a aula prática teve objetivo de demonstrar aos alunos o planejamento físico funcional de uma unidade de alimentação.

Como avaliação da disciplina, os alunos deverão entregar no final do semestre uma planta baixa para diversos tipos de unidade de alimentação (restaurante popular, restaurante comercial, restaurante institucional entre outros).

Atividade Transdisciplinar envolve Administração e Direito numa audiência Empresarial

Acadêmicos oitavo período do Curso de administração na disciplina “Simulação Gerencial - Jogos de Empresas” e do décimo Período de Direito, da disciplina de Direito Contemporâneo, com a coordenação dos professores Romildo (ADM) e Fernando (DIR), onde foi para apreciação do Juiz (Prof. Fernando) um litígio empresarial sobre marcas e patentes, ligado diretamente a direitos autorais de criação, oportunidade em que foi possível aprender muito na leitura das petições legais realizadas pelos acadêmicos de Direito. Na sequencia, foi possível ouvir as testemunhas, simulação de acordo, levantamento de valores e no final o parecer decisório da audiência.

Para os acadêmicos envolvidos na atividade no salão nobre da Uniguaçu, foi possível verificar direito empresarial na prática, com ações diferenciadas de ambos os cursos, unificando conhecimento, que era o principal objetivo, afirma o professor Romildo.